Clubhouse: a nova rede social

clubhouse-red-social-chat-voz-1200x600
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

Nos últimos dias os internautas receberam uma novidade, o surgimento de uma nova rede social. Entretanto, ela vem com uma sacada diferente das redes que já estamos acostumados (Facebook, Instagram, Twitter e LinkedIn). Lançado em abril de 2020, ele ficou mais conhecido agora em 2021 e dois meses após chegar a App Store, a rede acumulava 1,5 mil usuários e era avaliada em U$ 100 milhões. Hoje em dia o número de usuários já ultrapassa os 6 milhões e a empresa é avaliada em U$ 1 bilhão.

O diferencial é que essa nova rede permite que várias pessoas distintas se reúnam para discutir sobre assuntos diversos de interesse coletivo, porém, a interação é feita somente por meio de áudios. Nada de textos, vídeos ou fotografias. De acordo com os idealizadores a proposta é feita para dar maior humanização a comunicação dos participantes.

Ela é organizada em salas (rooms), em que cada inscrito pode escolher, com base nos seguintes tipos:

• Open – aberto a qualquer tipo de pessoa interessada em um assunto. Ali existe um moderador, a quem se deve pedir permissão de intervir. Ele pode, então, decidir quais e quantos participantes deverão falar.

• Social – visível aos usuários conhecidos e que já são seguidos por você;

• Closed – fechado e privado, visível apenas a quem for convidado.

Muita gente está curiosa em conhecer e fazer parte, mas por enquanto o Clubhouse só está disponível para dispositivos com o sistema iOS, como os iPhones. Também é preciso receber um convite para integrar a rede, sendo que cada usuário tem direito a dois convites e conforme mais usa, mais recebe. De acordo com os adeptos, o que surpreende é o alto nível das conversas e a possibilidade de networking.

A app se tornou mais popular desde fevereiro deste ano, com o aparecimento de convidados famosos em chats de áudio, como o CEO da Tesla, Elon Musk, e o CEO do Facebook, Mark Zuckerberg. Por meio dele é possível aprender com grandes nomes do mundo todo, sua função lembra muito os podcasts que também tem se popularizado nos últimos meses, só que neste caso o bate-papo acontece ao vivo.

E você, já teve sua experiência com a nova rede?

Paulo Ricardo Venâncio

32 anos, graduado em jornalismo, apaixonado por fotografia e por boas histórias.

Compartilhe:

Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Marketing Digital Criação de sites Gestão de Marcas

Estratégias para sua empresa se diferenciar e continuar na ativa durante a crise.